quinta-feira, 11 de junho de 2009

Boa Notícia

O Produto Interno Bruto (PIB) do Estado do Ceará, segundo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica (IPECE), que vem a ser o mesmo Instituto de Planejamento do Ceará (IPLANCE), criado por mim quando ocupei o cargo de Governador; e que teve seu nome trocado pelo atual, cresceu no primeiro trimestre deste ano sobre igual período do ano anterior, 3,75%.

Enquanto isso, o do Brasil caía 1,5%, em idêntico período.

Quando o Ceará cresce mais que o Brasil, surge a esperança de que venhamos a diminuir o fosso que nos separa das regiões mais desenvolvidas do País.

Um comentário:

Domingos Sávio disse...

Bom comentário Dr. Lúcio. Quanto aos órgãos nada de inovação. Tando faz dá no pau como no pau dá.